Do you feel guilty?


Ontem assisti de novo Match Point [filme do Woody Allen com a Scarlett Johansson e outros, todos muito bem]. Complicado perceber como as visões das coisas demoram para se acomodar, como é preciso um distanciamento, ou como eu li em algum lugar, como é preciso um tempo para se afastar do seu objeto de fascínio para poder observa-lo bem.

Esse tempo foi necessário para ver que, além de uma comédia muito maluca, daquelas que você vibra a cada ‘piada’, Match Point é o tipo de filme angustiante para quem vê pela segunda vez. Na primeira, você está despreparado para as situações, acha tudo engraçado, acha a Scarlett linda só por ela ser quem é… Tem impressões meio que automáticas…

Depois que se assiste o filme e volta-se à película, tudo fica mais doentio. O que na primeira vez, maquiavelicamente se louva ou se ri, dessa vez se tem vergonha. Chris é o típico calhorda, Chloe é a obsessivo-compulsiva, Tom é só um corno mesmo e Nola é o tipo de mulher ciumenta do cão. Chega a dar medo [a mim então…].

Mas o bom mesmo é que Woody Allen tem dois filmes diferentes dentro da mesma caixinha. Na primeira vez, um filme que diverte, que faz suspirar, que surpreende… Na segunda vez, o filme surpreende pela densidade, pela nova interpretação dos fatos, o novo olhar lançado. Faz suspirar, mas por outros motivos. E vai divertir os mais atentos, que não se prenderem a uma leitura superficial do filme.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s